joomla site stats

ad valorem

Participação Cívica

Olha só que ternura...

O Senhor Presidente da Câmara e os 4 vereadores que o carregam em ombros decidiram aprovar mais esta despesita para ver se o primeiro ainda se consegue safar das peripécias em que se meteu.

- Por maioria, com cinco votos a favor do Presidente da Câmara e dos Vereadores Francisco Ramos, Márcia Oliveira, Rita Laranjo e Sílvia Dias e com dois votos contra dos Vereadores José Fateixa e José Sádio, conceder parecer prévio favorável à abertura de um procedimento pré-contratual por ajuste direto para prestação de serviços de advocacia no âmbito dos processos judiciais n.os 53/11.6taetz e 54/11.4taetz, com convite à empresa " PLMJ - Sociedade de Advogados, RL", cujo preço contratual não deverá exceder 13.974,27 €, acrescidos de IVA à taxa legal em vigor;

Os 4 vereadores apaniguados demonstram assim a sua ternura pelo seu grandioso chefe. Quando eu requeri à Câmara o patrocínio judiciário - legalmente consagrado para os eleitos locais que se vejam envolvidos em processos judiciais decorrentes do exercício do respectivo mandato (exactamente o que se passou comigo) - para que me fossem devolvidos os setecentos e tal euros que gastei a defender-me de um processo que foi arquivado pelo poder judicial, o melhor que consegui (de apenas um deles) foi esta mensagem solidária "Eh pá, isso são coisas do Mourinha...". Dos demais nem resposta mereci... a sua dedicação à defesa do interesse público passa prioritariamente por defender os costados do Grande Chefe.